Após tragédia com 4 mortos, centro espírita volta às atividades

Após tragédia com 4 mortos, centro espírita volta às atividades

Avalie esta postagem

Recomeçar é preciso independente da causa que nos tenha levado à primeira queda. E de recomeço o Espiritismo e espiritualismo entende bem.

Nesse sentido, após a grande tragédia que ocorreu no Grupo Espírita Amor ao Próximo (GEAP), em Jabotão dos Guararapes, na Grande Recife, chegou a hora de voltar às atividades 15 dias depois do ocorrido.

Foi exatamente do dia 21 de julho, nesse domingo, que o centro voltou a funcionar.

Na sede do GEAP, localizada na rua Zelindo Marafante, todos os presentes receberam receberam rosas brancas. Entre os presentes estavam os familiares das duas vítimas, que morreram baleadas no local.


Entenda a tragédia ocorrida no início do mês

No dia 5 de julho, na sede do GEAP houve um assalto durante a realização de um evento que lotou o lugar, comportando cerca de 200 pessoal.

As pessoas acompanhavam a palestra e entre elas estavam os dois assaltantes, enquanto resto do bando estava do lado de fora dando cobertura. Os bandidos anunciaram o assalto e começaram a recolher os pertences das vítimas á base de violência e xingamentos até que se iniciasse uma troca de tiros.

Dois suspeitos foram baleados, morrendo no local. Uma frequentadora do centro, de 57 anos, também morreu no local.

O Policial identificado como Alexsandro Alves de Melo, 40 anos, do 25º Batalhão da Polícia Militar, foi atingido na região da cabeça, foi socorrido e levado para o Hospital da Restauração (HR), mas infelizmente não resistiu ao ferimento.

Muitos frequentadores também ficaram feridos devido a correria e outros passaram mal, nervosos, e foram atendidos. No local, havia dezenas de idosos.


Dois dos envolvidos estão presos Jefferson Gonçalo da Silva e José roberto Alcântara e a polícia está a procura de mais dois integrantes que ainda estão foragidos.

Sérgio Costa, marido de Luisiana Barros fez um discurso que emocionou a todos os presentes:

“Nós vínhamos muito aqui ao GEAP. Ela, como espírito evoluído, nos deixou tantas lições, por isso o nosso fortalecimento”, lembrou.

“O que vai nos confortar é a luz divina do nosso senhor Deus.”

O palestrante da noite do retorno foi de Francisco Menezes, que discursou sobre a maldade ao longo da história, mas que o bem vai prevalecer em todas as situações.

Um dos coordenadores do GEAP, Mário Portela, falou que o centro ficou fechado por esses vários dias para que as pessoas pudessem se recompor do trauma.

Gostou? Então COMPARTILHE!

Hugo Gimenez

Hugo Gimenez é o editor do blog O Estudante Espírita. Fisioterapeuta formado na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), começou suas primeiras leituras da Doutrina Espírita com 15 anos de idade. Hoje em dia, se interessa não só por literaturas próprias do Espiritismo, mas também por assuntos de espiritualidade em geral.
Fechar Menu