Todas as Cartas Psicografadas de Daniella Perez eram falsas! Afirma Gazolla

Todas as Cartas Psicografadas de Daniella Perez eram falsas! Afirma Gazolla

Hoje, dia 28 de dezembro de 2017, completa 25 anos do caso Daniella Perez. O caso ocorreu em 1992 recebendo grande cobertura pela mídia e discutido até hoje.

Daniella Perez era a filha de Glória Perez, autora de telenovelas, séries e minisséries brasileiras. Daniella, na época, atuava na novela De Corpo e Alma, interpretando a personagem Yasmin.

Os autores do crime foram Guilherme de Pádua e sua ex-esposa Paula Thomaz. O crime teria sido motivado por Guilherme se sentir diminuído no seu papel da novela e pensar que Daniella teria algo a ver com essa decisão. Além disso, dizia-se que o ator também assediava sua colega, Daniella, que teria influenciado a mãe a rebaixar o personagem interpretado por ele.

Segundo o caso, Guilherme teria dado um soco na jovem na saída de um posto de gasolina e colocado o a jovem desacordada no seu veículo, que estava sendo dirigido por Paula Thomaz.

Os dois culpados levaram a jovem para um terreno baldio e desferiram cerca de 18 punhaladas, que atingiram o pulmão, coração e pescoço. A jovem morreu no local e seu corpo foi encontrado pelos policiais.

Guilherme e Paula cumpriram apenas 7 anos de prisão. Ambos saíram em 1999.

Veja mais: Psicografia de Espírito que vagava perto de cemitério, em Jaú/SP

A mãe de Daniella, a famosa autora Glória Perez buscou o Ministério Público para redigir um complemento para a Lei dos Crimes Hediondos, depois buscando a iniciativa popular para arrecadar assinaturas num abaixo assinado que garantiu mais 1 milhão de assinaturas. Dessa forma,  o homicídio qualificado (praticado por motivo torpe ou fútil, ou cometido com crueldade) passou a ser incluído (através da lei 8.930/1994) na Lei dos Crimes Hediondos.

O Chico Xavier assinou no documento. [ATENÇÃO: o Chico assinou o abaixo-assinado criado pela Glória Perez, não as cartas!]

daniella perez psicografia 2

A atriz casou-se com o ator Raul Gazolla em 1990. Raul por sua vez não teve filhos com ela. Somente em 2001 Raul casou-se novamente vindo a ter uma filha, Rani; e diz que ela chama Glória Perez de avó.

Veja mais: Psicografia de uma vítima do naufrágio na Bahia

As cartas psicografadas de Daniella Perez

Nosso blog não conseguiu nenhum acesso às cartas que supostamente seriam da atriz, mas recentemente o ator Raul Gazolla, que havia se casado com Daniella em 1990, se manifestou publicamente acerca das supostas cartas psicografadas de Daniella Perez.

Segundo o site Metrópoles, o ator teria feito um desabafo quanto as muitas cartas que chegavam até ele. O ator disse que jamais acreditou nas cartas que se diziam ser de sua falecida esposa, deixando claro que estava convicto de que todas elas eram falsas.

Veja mais: Carta Psicografada da estudante Fernanda Lages, morta em 2011

Ao site UOL, o ator justificou a descrença: “Todas as cartas que recebi eram falsas. A única que talvez pudesse ser não dizia nada demais. A Dani sempre assinava o nome dela com dois L e o Perez com z no final, então quando eu recebia qualquer carta, eu já olhava o final para ver a assinatura, se não tivesse desta forma, lia só por educação, mas sabia que não era dela”.

Não restam dúvidas de que as melhores pessoas para se averiguar a veracidade de uma carta psicografada é a própria família.

Gostou? Então COMPARTILHE!

Hugo Gimenez

Hugo Gimenez é o editor do blog O Estudante Espírita. Fisioterapeuta formado na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), começou suas primeiras leituras da Doutrina Espírita com 15 anos de idade. Hoje em dia, se interessa não só por literaturas próprias do Espiritismo, mas também por assuntos de espiritualidade em geral.
Fechar Menu