Morre Charles Manson: fundador de seita que incentivava matar estrelas de Hollywood
Imagem: crimefeed.com

Morre Charles Manson: fundador de seita que incentivava matar estrelas de Hollywood

Morre Charles Manson: fundador de seita que incentivava matar estrelas de Hollywood
Avalie esta postagem

Charles Manson, o homem que planejou uma das mais hediondas mortes de assassinatos na história americana, está morto … isso de acordo com a irmã de sua mais famosa vítima.

Charles Manson era o líder de uma seita chamada de “A Família”. Manson morreu neste último domingo, dia 20 de novembro de 2017, aos 83 anos de idade.

O criminoso, havia sido condenado à prisão perpétua, mas estava internado desde última quarta-feira, dia 15, no hospital de Bakersfield, na Califórnia, quando foi levado às pressas para o centro médico, escoltado por cinco policiais.

Debra Tate, irmã da vítima mais famosa de Mason, a atriz Sharon Tate, diz a TMZ que recebeu uma ligação da prisão dizendo que Manson morreu às 8:13 PM do domingo.

Atriz Sharon Tate – Imagem: abcnews.go.com

— Disseram-nos que a prisão está contatando todas as famílias das vítimas, disse Debra Tate.

Manson morreu por causas naturais, de acordo com oficiais da prisão.

Manson foi recentemente levado para o hospital Bakersfield e escoltado por 5 policiais uniformizados. Nossas fontes disseram no dia: “É apenas uma questão de tempo”. Ele estava coberto de cobertores e parecia pálido na maca.

O site TMZ quebrou a história … Manson foi levado da prisão estadual Corcoran para o hospital em janeiro, onde ele estava sendo tratado por hemorragia intestinal.

Manson deveria ser submetido a uma cirurgia, mas foi considerado muito arriscado.

Manson foi mandado para a prisão em dezembro de 1969. Ele foi condenado por conspiração para cometer assassinatos, o que ocorreu um dia após o próximo em agosto de 1969.

Veja mais:

Manson não estava presente, mas membros da assim chamada “Família Manson” mataram 5 pessoas, incluindo a atriz Sharon Tate, em sua casa na área de Beverly Hills. O objetivo de Manson era começar uma guerra racial, ele chamou de “helter skelter”, fazendo referência a uma música dos Beatles.

Imagem: www.latimes.com

Manson, que tinha uma suástica tatuada na testa, já havia sido hospitalizado em janeiro para ser operado por lesões no intestino e uma hemorragia interna, mas acabou retornando para à prisão, onde passou mais de 40 anos.

Manson, tornou-se um dos criminosos mais conhecidos dos Estados Unidos. Ele foi condenado por convencer jovens seguidores a assassinarem, “com o máximo de crueldade”, pelo menos sete pessoas, incluindo uma das estrelas de Hollywood mais comentadas da época.

Fonte:

http://www.tmz.com/2017/11/19/charles-manson-dead-at-83/

https://g1.globo.com/mundo/noticia/assassino-charles-manson-morre-aos-83-anos-nos-eua.ghtml

 

Gostou? Então COMPARTILHE!
Fechar Menu