O que acontece com nossa alma quando falecemos? — O Socorro Espiritual

O que acontece com nossa alma quando falecemos? — O Socorro Espiritual

O que acontece com nossa alma quando falecemos? — O Socorro Espiritual
5 (100%) 5 votes

Já tínhamos feito vários outras matérias sobre ajuda espiritual, mas ainda não tínhamos falado sobre o socorro espiritual dada aos que estão no processo de desencarne e as almas que passaram do mundo físico para o outro lado.

Nesse artigo também não trataremos de detalhar e esgotar todo o assunto referente sobre: o que acontece com nossa alma quando morremos. Falaremos aqui somente sobre o socorro espiritual prestado aquelas pessoas que tem o merecimento de serem atendidos e partir para planos mais felizes.

O Espiritismo e o que acontece quando morremos espiritismo — O socorro espiritual das equipes socorristas

o que acontece quando morremos

Na série de livros do espírito André Luiz, psicografada por Chico Xavier, o socorro espiritual e o exercício do socorro espiritual das equipes socorristas é discutido de vários ângulos. O cuidado e o esforço para ajudar as pessoas a fazer a transição são questões importantíssimas.

Este assunto também é revisado no livro do reverendo Owen, que é uma coleção de quatro de seus livros, Vida Além do Véu, na seção “Os Planos Exteriores do Céu”, e sua mãe fala sobre a assistência dada aos recém-mortos:

O que acontece quando falecemos? — Como é feito o socorro espiritual de espiritual dos recém-desencarnados?

“Agora vamos ver se podemos impressioná-lo para escrever algumas palavras das condições que encontramos quando chegamos aqui – as condições, isto é, daqueles que passam por aqui quando chegam pela primeira vez. Eles não são todos de igual grau de desenvolvimento espiritual, claro, e, portanto, requerem tratamento diferente.

Muitos, como você sabe, não percebem, por algum tempo, o fato de que eles são o que eles chamariam mortos, porque eles encontram-se viva e com um corpo, as suas noções vagas anteriores do estado pós-falecimento não são, por qualquer meio, levemente jogadas fora.”

Como já vimos na literatura espírita, entre aqueles que têm uma vaga inclinação ou conhecimento espiritual geralmente ficam bastante confusos. Mesmo aqueles que são espirituais e praticam uma das religiões são, muitas vezes, surpreendidos. A maioria é ensinada que nos tornamos outro ser ou somos enviados para o céu imediatamente na forma de um anjo.

Nós rejeitamos não apenas nossos corpos, mas nossas características mais básicas e somos transformados em entidades graciosas e nobres. Imagine a surpresa quando descobrimos que somos quem somos.

O Espiritismo e o que acontece quando falecemos — Processo de despertar

socorro espiritual equipes socorristas 2

O socorro espiritual nem sempre é uma tarefa fácil, como muitas vezes lemos em alguns romances espíritas. Existem muitas situações em que um desencarnado, mesmo já tendo alguma instrução dá um pouco de trabalho.

Na obra, a mãe de Vale Owen nos leva a entender um pouco do processo de despertar da alma confusa, que veio para o reino espiritual.

“A primeira coisa a fazer, então, é ajudá-los a perceber que não estão mais na vida terrena e, para isso, empregamos métodos.

Uma delas é perguntar-lhes se lembram de algum amigo ou parente e, quando respondem que o fazem, mas que ele está morto, tentamos capacitá-los a ver esse espírito em particular, que, aparecendo vivos, deve convencer o duvidoso de que ele realmente já fez sua transição para o mundo maior.

Isso nem sempre dá certo, pois as falácias arraigadas são obstinadas e, por isso, tentamos outro método.

Nós o levamos para alguma cena na terra com a qual ele está familiarizado e mostramos a ele aqueles que ele deixou para trás, e a diferença em seu estado e no deles.

Se isto falhar, então trazemos para sua memória as últimas experiências que ele passou antes da transição, e gradualmente as conduzimos quando ele adormeceu, e então tentamos conectar aquele momento com o seu despertar aqui.

Todos esses esforços muitas vezes falham – mais frequentemente do que você imagina – porque o caráter é construído ano após ano, e as idéias que vão ajudar neste edifício tornam-se muito firmemente embutidas em seu caráter.

Também temos que ser muito cuidadosos para não sobrecarregá-lo, ou isso atrasaria sua iluminação. Às vezes, porém, no caso daqueles que são mais esclarecidos, eles percebem imediatamente que são passados para a terra espiritual, e então nosso trabalho é fácil ”.

A partir de agora mostraremos alguns casos interessantes de socorro espiritual pós-falecimento do corpo físico. Escolhemos exemplos felizes, assim, preferindo os exemplos mais positivos em que não houveram complicações. Mas na literatura também existem inúmeros relatos de socorro espiritual em casos deploráveis, como foi o caso do resgate de André Luiz, no livro Nosso Lar.

O que acontece com nossa alma quando falecemos — O que um espírito sente logo após o falecimento?

o que acontece quando morremos espiritismo 2

A última coisa que a maioria de nós espera ser quando falecemos é a continuação do que éramos antes do falecimento. André Luiz queria explorar exatamente como uma pessoa espiritualmente consciente se sentia depois do falecimento.

No livro, Obreiros da Vida Eterna, psicografado por Chico Xavier, André Luiz recebe permissão para fazer perguntas a Dimas, que acabara de falecer.

Dimas foi um médium incansável, que trabalhou para o bem dos encarnados e desencarnados. Por isso, André fazia parte de uma equipe espiritual que foi enviada para ajudar Dimas a se desconectar de sua vida física. Vale ressaltar, que um dos principais obstáculos, foi o desejo de sua família de se recuperar e mais uma vez fazer parte de sua vida.

Os pensamentos que emanavam da esposa e dos filhos de Dimas o mantinham amarrado à terra. A equipe do espírito teve que recorrer à camuflagem de fazer Dimas parecer se recuperar, então sua família deixaria o time espírito algumas horas de paz para iniciar o processo de trazer Dimas para o reino espiritual.

Andre se vira para Dimas, agora um espírito e pergunta:

“Você ainda está sentindo alguma dor física?” Eu comecei.

“Eu ainda tenho uma impressão clara do corpo que acabei de deixar para trás”, ele respondeu educadamente.

“Mas notei que, ao querer permanecer perto de meus entes queridos e continuar onde estive por tantos anos, revivo todo o sofrimento que sofri. No entanto, quando me resigno a aceitar os projetos superiores, sinto-me imediatamente mais leve e consolado. Apesar do pouco tempo que estou acordado, já consegui fazer tal observação ”.

“E os cinco sentidos?” Eu continuei.

“Eles estão em perfeito funcionamento.”

“Você sente fome?”

“Na verdade, posso dizer que meu estômago está vazio e ficaria feliz se tivesse algo para comer, mas esse desejo físico não é nem desconfortável nem torturante.

“E sede?”

“Sim, embora eu não sofra por causa disso.”

Como de costume, André coloca as perguntas que todos gostaríamos de saber. Há um enorme número de joias de informação em cada um dos livros de André. Encorajo nossos leitores a descobrir mais sobre o mundo espiritual lendo os livros de André Luiz, começando com Nosso Lar.

O  que acontece quando falecemos — Um exemplo de uma alma que acabou de desencarnar

socorro espiritual espiritismo 2A mãe de Vale Owen nos conta sobre um caso real em que ela estava. Ela e o grupo foram enviados para ajudar uma mulher que estava prestes a passar. Eles chegaram para ver a dama morrendo cercada por amigos tristes. Todos ficaram extremamente tristes em vê-la deixar a terra.

“Ela adormeceu, e a corda da vida foi cortada por nossos amigos observadores, e então, suavemente, eles a acordaram, e ela olhou para cima e sorriu docemente para o rosto gentil de alguém que se inclinou sobre ela.

Ela ficou lá perfeitamente feliz e contente até que começou a se perguntar por que esses rostos estranhos estavam ao seu redor no lugar das enfermeiras e amigos que ela tinha visto pela última vez.

Ela perguntou onde estava e, quando lhe disseram, um olhar de admiração e anseio surgiu em seu rosto, e pediu permissão para ver os amigos que havia deixado.

Isso foi concedido a ela, e ela olhou para eles através do Véu e balançou a cabeça tristemente. “Se ao menos eles pudessem saber”, disse ela, “quão livre estou da dor agora e confortável. Você não pode dizer a eles? Tentamos fazê-lo, mas apenas um deles ouviu, eu acho, e ele apenas de maneira imperfeita, e logo o descartou como uma fantasia.

Nós a tiramos daquela cena e, depois que ela ganhou um pouco de força, para uma escola infantil, onde seu filho estava, e, quando ela o viu, sua alegria era grande demais para palavras. Ele havia desencarnado alguns anos antes e havia sido colocado nessa escola, onde vivia desde então.

Ajude-nos COMPARTILHANDO esse link para mais pessoas no Facebook ou no Whatsapp. Para COMPARTILHAR, basta clicar nos ícones das suas redes sociais favoritas, logo abaixo!

Veja mais:

Fontes:

  • Owen, R. G. (2012). Vida Além do Véu.
  • Xavier, F. C. (2008). Obreiros da Vida Eterna.

Tags adicionais: socorro espiritual, socorro espiritual espiritismo, socorro espiritual equipes socorristas, socorro espiritual missionarios da luz, o que acontece quando falecemos espiritismo,
o que acontece quando falecemos.

 

 

Gostou? Então COMPARTILHE!
Fechar Menu